Comprar seguidores é ruim para a sua marca, não siga o exemplo do Gil do Vigor!

Blog

Comprar Seguidores Dableo

Comprar seguidores é ruim para a sua marca, não siga o exemplo do Gil do Vigor!

Em entrevista, o Gil do Vigor contou que comprou 8 mil seguidores antes de entrar no BBB. Quando fazemos isso, a expectativa é de que nossos posts bombem, o alcance aumente e mais pessoas conheçam as nossas ideias. Só que a realidade custa muito mais caro,como o Gil percebeu depois.

 

O resultado dessa prática são diversos perfis falsos ou que nem ligam para o seu conteúdo, o que vai diminuir o engajamento ou não fazer nenhuma diferença, além de existirem as penalizações da rede social. Comprar seguidores é passar a ideia de que você terá resultados imediatos quando, na verdade, só está prejudicando a reputação e as interações. E isso acontece por causa dos seguintes motivos:

 

1 - Você ganha seguidores falsos e depois perde por causa da limpeza das plataformas. É isso mesmo: o Instagram quer interações autênticas na rede social e sabe como os usuários falsos podem prejudicar a experiência das pessoas.Assim, atua para eliminar esses perfis, com tecnologias automatizadas. Então, de qualquer forma, você perde os seguidores - e o dinheiro investido.

 

2 - A sua taxa de engajamento será reduzida. Com tantos seguidores falsos, a sua base de usuários não tem valor algum, porque esses seguidores são apenas números. E vale a pena ter 10 mil contas que não interagem? Não, porque isso só vai diminuir a sua taxa de engajamento. 

 

3 - O seu conteúdo perde relevância para o algoritmo. O Instagram entrega os seus conteúdos para os seguidores conforme a sua relevância para eles Se os usuários curtem, comentam, salvam ou enviam para amigos, aquele post é entregue para mais pessoas, contribuindo no aumento da relevância do perfil como um todo. Mas, se a maioria dos seguidores não é real e eles não interagem, o algoritmo entende que o conteúdo não é interessante ao seu público, reduzindo o seu aparecimento. 

 

4 - Você coloca em risco os seus seguidores reais, dando margem para bots terem acesso à sua lista de contato e distribuírem spams livremente, o que é muito chato. Esses fãs de mentira também podem trazer vírus, roubar dados da sua conta e dos seguidores verdadeiros. 

 

5 - As métricas de desempenho são distorcidas e não representam potenciais clientes da sua marca, sequer representam pessoas reais. Então, como você vai saber o engajamento de verdade, quando a maioria dos usuários são robôs, falsos ou inativos?

 

6 - Os seguidores genéricos não têm nada a ver com o seu negócio. Comprá-los é desperdício de tempo e recursos, que poderiam ser dedicados ao público que realmente interessa.

 

7-  Você engana os outros e a si mesmo. Criar uma popularidade de mentira, apenas para tentar impressionar os concorrentes ou provar algum valor, é como dar um tiro no próprio pé. Se você acredita nisso, é porque não entendeu ainda a importância de uma boa estratégia de comunicação. 

 

A nossa conclusão é como a do Gil: não vale a pena comprar seguidores, você vai se arrepender depois. Do ponto de vista do retorno sobre investimento (ROI) obtido com as publicações, não vale mesmo a pena. Invista em comunicação real, que se conecte de verdade com pessoas que realmente interessam para sua marca. Lembre-se: sua empresa é eternamente responsável pelo que cativa.



Mais Acessadas

Quantidade é diferente de qualidade

Um influenciador com milhões de seguidores pode não valer tanto quanto um divulgador com um número bem menor. Pode parecer estranho, mas é verdade. As empresas já estão se dando conta de que o crescimento de sua imagem não está, necessariamente, associado à quantidade de seguidores, mas sim com a qualidade e autoridade sobre como aborda determinados assuntos.

Existe ainda publicidade e propaganda?

Antigamente as faculdades de publicidade tratavam o "fazer publicidade" como uma ação estanque e isolada do todo, o único objetivo era a divulgação da marca. O cliente buscava uma agência somente para desenvolver um material promocional.

SEO On-Page: dicas para aumentar os acessos ao seu site

O SEO (Search Engine Optimization) consiste em um conjunto de técnicas usadas por profissionais de marketing digital e desenvolvedores de sites para melhorar a indexação das páginas nos motores de busca (Google, Bing, Yahoo). Quanto melhor a indexação do site, melhor será o posicionamento do site no ranking de resultados fornecidos pelos buscadores.

Google About Me

Em novembro de 2015, o Google lançou um novo serviço chamado Google About Me (na tradução, Google Sobre Mim). Nele, o usuário dos serviços do Google (Google Drive, Google Fotos, Google +,entre outros) pode reunir as informações pessoais e profissionais e torná-las públicas ou não.

Precisando de algum dos nossos serviços ou,
não sabe que tipo de serviço a sua empresa precisa? 

 

A Dableo pode ajudar você.

 Preencha um pequeno formulário, não demora nem 1 minuto, após o envio entraremos em contato em breve,
ou ligue (51) 3388-2424, e fale com Claudia Stivelman.

Ou

Map

Av. Protásio Alves, 2302 , 401

Bairro Petrópolis - Porto Alegre - RS

Telefone

Fale com Claudia Stivelman

(51) 3388-2424

Fale Conosco